Av. Ipiranga, 5311 - Sala 206

Horário de Atendimento:
de 2ª a 6ª das 13:00 às 19:00

Fone: (51) 3339.2441

  

Área do Associado

Nessa sexta-feira, dia 9 de novembro de 2018, a Sociedade Gaúcha de Medicina do Trabalho, representada por sua Presidente, Dra. Rosani Carvalho de Araújo, fez-se presente na reunião do Conselho Deliberativo da ANAMT com aprovação do Regimento do Conselho dos Ex-Presidentes da ANAMT em São Paulo.

Uma das discussões mais importantes da atualidade é a difícil conciliação entre um bom ambiente de trabalho e um alto nível de rendimento, que muitas vezes acarreta sofrimento mental. Estar em um ambiente saudável de trabalho é um dos fatores que determina nosso bem-estar geral; contudo, amplifica-se o número de pessoas que sofrem ao redor do mundo com transtornos mentais e comportamentais, intensificados por pressões no local de trabalho. Pesquisas apontam que esses transtornos serão a principal causa de incapacidade até 2020, além de serem a terceira causa de benefício previdenciário auxílio-doença no Brasil.

O médico do trabalho poderá, com ciência do paciente, realizar discussão clínica com o médico assistente acerca da doença do trabalhador que esteja relacionado ao trabalho, com a finalidade de que sejam promovidas mudanças laborais que possam prevenir doenças ou o agravamento da doença. É o que estabelece a Resolução CFM nº 2.183/2018, editada nesta sexta-feira (21), que trata das normas específicas para médicos que atendam o trabalhador. 

Página 1 de 53